Folha do ES
Sex, 12 de Ago
32 ANOS DA FOLHA DO ES

Home   Polícia     Mundo


Turista é linchado e queimado vivo no México após ser confundido com um ladrão de criança

Turista é linchado e queimado vivo no México após ser confundido com um ladrão de criança

Moradores da cidade de Papatlazolco capturaram Daniel Picazo depois que um áudio começou a circular no Whatsapp; resgate foi impedido de salvá-lo

  Por Redação

  17.junho.2022 às 15:24

Um homem de 31 anos, identificado como Daniel Picazo, foi linchado e queimando vivo em Papatlazolco, no México, após rumores sobre uma tentativa de roubo de criança circular pelo Whatsapp e gerar a revolta dos moradores da região, que capturaram Daniel Picazo e o espancaram e tacaram gasolina. O caso aconteceu na noite de sexta-feira, 10. Policiais e paramédicos estiveram no lugar e tentaram ajudar o homem, mas foram impedidos pelos locais que não permitiram que eles passassem e chegassem até Daniel, e quando chegaram ele não apresentava mais sinais vitais.

Em um post no Facebook, a irmã da vítima repudiou o ocorrido. “Descobrir como tiraram sua vida me causa a maior repulsa pelas pessoas que injustamente fizeram isso sem saber que você era um profissional, um amante das viagens e da vida, com um futuro brilhante”, escreveu. “Voe alto meu Dany, confio que Deus fará justiça a todas aquelas pessoas que cortaram suas asas”, acrescentou.

Segundo o jornal “El Universal”, a vítima era um advogado que estava visitando a cidade. Moradores relataram que um áudio circulou pelo Whatsapp alertando as famílias para cuidares de seus filhos porque desconhecidos estavam na cidade e tinham a intenção de levar as crianças. Essa não é a primeira vez que um caso como esse acontece no México. Em 2018, outro rumo também circulou nas redes sociais.


Fonte: Jovem Pam

Comentários Facebook


Facebook


Newsletter


Inscreva-se no boletim informativo da Folha do ES para obter suas atualizações e novidades semanais diretamente em seu e-mail.

© 2022 Folha do ES. Todos os direitos reservados.