Folha do ES
Sex, 19 de Ago
Banner - A FOLHA JÁ SABIA

Home   Judiciário     Espírito Santo


Município de Anchieta é obrigado a indenizar enfermeiro em R$ 15.660

Município de Anchieta é obrigado a indenizar enfermeiro em R$ 15.660

Em sua defesa, a parte requerida afirmou que o servidor não comprovou o requisito mínimo de prestar contas dessas despesas.

  Por redação

  04.agosto.2022 às 13:39

A prefeitura de Anchieta foi condenada a indenizar um enfermeiro que não recebeu suas diárias de trabalho durante três anos.

Os valores correspondiam aos deslocamentos feitos pelo profissional para dar assistência a pacientes que iam para outros hospitais em ambulância.

Em sua defesa, a parte requerida afirmou que o servidor não comprovou o requisito mínimo de prestar contas dessas despesas.

Contudo, o juiz da 2ª Vara de Anchieta, responsável pelo caso, verificou que, de acordo com o artigo 126 da Lei Complementar Municipal nº 27/2012, que institui o Estatuto dos Servidores Públicos, o pagamento de diárias ao servidor público que se desloca do município, no interesse exclusivo da administração, é garantido, como forma de indenização pelas despesas de alimentação e estadia.

Portanto, o magistrado concluiu que o requerente deve receber as diárias correspondentes aos deslocamentos feitos.

Eles foram comprovados através dos documentos apresentados, sem haver necessidade da comprovação das despesas específicas com alimentação, estadia e transporte, já que são gastos excepcionais e ligados à manutenção da pessoa. Sendo assim, a indenização foi fixada em R$ 15.660,00 reais.


Fonte: Dia a dia ES

Comentários Facebook


Facebook


Newsletter


Inscreva-se no boletim informativo da Folha do ES para obter suas atualizações e novidades semanais diretamente em seu e-mail.

© 2022 Folha do ES. Todos os direitos reservados.