Folha do ES
Sb, 20 de Out
CIAC

Home   Geral     Brasil


'Por que meu pai quis me matar?', pergunta filho de goleiro Bruno

'Por que meu pai quis me matar?', pergunta filho de goleiro Bruno

Revelação foi feita pela avó do garoto hoje com 8 anos

  Por Redaçao

  11.outubro.2018 às 09:14

“Como a minha mãe morreu?”, “Como era a voz dela?”, “Como era o cheiro dela?”, “Onde ela está enterrada?”, “Cadê o meu pai?” e “Me mostra uma foto?” são algumas das perguntas feitas pela criança à avó.

A modelo Eliza Samudio foi morta por asfixia em 10 de junho de 2010. Seu corpo foi esquartejado e até hoje está desaparecido. Em 2013, o ex-namorado de Eliza, o goleiro Bruno Fernandes, foi condenado a 22 anos e três meses de prisão por homicídio triplamente qualificado, sequestro e ocultação do cadáver - ele pretende pedir progressão de pena para o regime semiaberto domiciliar a partir do dia 13 de outubro.

“Tenho receio pelas nossas vidas. Minha e do meu neto. É uma mistura de sentimentos. Ele poderá recomeçar a vida dele, minha filha não (assassinada com 25 anos). Mataram ela e todos seus sonhos. Não tiveram piedade. Bruninho foi largado em uma favela e só não morreu porque não tiveram coragem de matá-lo”, disse Sônia ao portal.

De acordo com ela, o garoto soube que o pai é um dos responsáveis pela morte de Eliza no último Dia das Mães, em maio. "Por que ele tentou me matar? Eu era um bebê", questionou a criança sobre ter sido vítima aos quatro meses de idade.


Fonte: G 1

Comentários Facebook


Facebook


Newsletter


Inscreva-se no boletim informativo da Folha do ES para obter suas atualizações e novidades semanais diretamente em seu e-mail.

© 2018 Folha do ES. Todos os direitos reservados.