Folha do ES
Qua, 5 de Out
Nova logo da LEIA Pesquisa

Home   Estilo     Curiosidade


Hábitos de consumo e pós-pandemia consolidam mercado de reparos

Hábitos de consumo e pós-pandemia consolidam mercado de reparos

Gigante do setor de ajustes e consertos de roupas e sapatos traz novo conceito de loja para a Região Sudeste.

  Por redação - HF

  22.setembro.2022 às 13:36Atualizado em 30.setembro.2022 às 12:25

Com o desaquecimento da economia no pós-covid e o crescimento de movimentos que pregam o consumo consciente e o reuso peças e objetos (Slow Fashion e Eco Fashion), os serviços de reparos de roupas, bolsas e sapatos ganha força.

Prestes a completar 29 anos, a Sapataria do Futuro acaba iniciar um processo de modernização de suas mais de 70 franquias espalhadas por todas as regiões do Brasil. O CEO da empresa, Thiago Campos, confirma que os serviços de reparo e customização não são atingidos pela sazonalidade do varejo.

“Roupas novas precisam de ajustes, roupas antigas de reparos. Nossos serviços atendem quem acabou de comprar e quem precisa economizar reinventando seu próprio guarda roupa”, explica Campos.

A nova loja da franquia no Barra Shopping une tradição e modernidade, com serviços de costura e alfaiataria, bordados, relojoaria e uma série de itens presentes no guarda roupa de todo brasileiro.

“Somos uma loja de soluções e nosso projeto destaca cada uma delas. A diferença de materiais e o contraste do cimento queimado, branco e madeirado trabalham pela composição, organização e aconchego do ambiente. Da funcionalidade ao design, cada detalhe foi feito pensando no cliente”, explica Brunna Paldês, arquiteta da franquia.

Uma paixão nacional

Na indústria calçadista global, considerando a receita, o Brasil ocupa a segunda posição entre as maiores receitas com a venda de calçados, tanto de couro (US$ 16 bilhões em 2019), quanto de outros tecidos (US$ 29,6 bilhões em 2019), atrás apenas dos Estados Unidos. Além disso, o país é o quinto maior mercado consumidor do planeta, com um total de 691 milhões de pares consumidos em 2021.

Estudo realizado pelo IDC e encomendado pela Infobip confirma essa tendencia. De acordo com o levantamento realizado em 2021, itens de Moda/Vestuário/Calçados são os preferidos nas compras on-line dos brasileiros, sendo escolhidos em 74,7% das ocasiões.

A indústria têxtil e de confecção brasileira teve faturamento estimado de R$ 194 bilhões em 2021. As projeções, segundo a Associação Brasileira da Indústria Têxtil e de Confecção (Abit), indicam crescimento setorial de 1,2% em 2022, ante 2021.

“Meu pai era sapateiro, profissão que também já exerci. Hoje eu dou sequência a essa tradição familiar na Sapataria do Futuro. Trabalhamos com duas paixões nacionais: roupas e sapatos”, conta José Roberto, Master da Sapataria do Futuro do Rio de Janeiro. “Nosso novo conceito de lojas reforça nossa posição de vanguarda no atendimento de serviços e reparos, com foco na excelência e eficiência que já são parte da nossa tradição”, complementa.


Outras Informações

Flávio Borgneth

27 9 8116 3148


Fonte: Folha do ES

Comentários Facebook


Facebook


Newsletter


Inscreva-se no boletim informativo da Folha do ES para obter suas atualizações e novidades semanais diretamente em seu e-mail.

© 2022 Folha do ES. Todos os direitos reservados.