Folha do ES
Qua, 30 de Nov

Home   Esporte     Mundo


Ex-surfista morre após briga em bar

Ex-surfista morre após briga em bar

Segundo boletim de ocorrência da polícia local, o ex-surfista levou um soco do lado de fora do bar. Ao cair no chão, bateu a cabeça na calçada.

  Por redação - HF

  26.setembro.2022 às 08:57

O australiano Chris Davidson, que já esteve entre os melhores surfistas do mundo, morreu na madrugada de domingo (25), aos 45 anos, após uma briga de bar em South West Rocks, no sudeste da Austrália.

Segundo boletim de ocorrência da polícia local, o ex-surfista levou um soco do lado de fora do bar. Ao cair no chão, bateu a cabeça na calçada. Ele foi levado ao Hospital Kempsey, onde morreu pouco tempo depois.

As investigações levaram a polícia a um homem de 42 anos, que foi preso em uma casa na mesma região do bar, por volta do meio-dia. Ele foi levado pela delegacia como suspeito de agressão e assassinato.

Embora o documento oficial divulgado não cite o nome do surfista, a mídia local noticiou que se tratava de Chris Davidson.

Surfistas e fãs prestaram homenagens ao atleta. Kelly Slater, 50, campeão do mundo 11 vezes, escreveu que perdeu mais um soldado, com quem lutou boas batalhas, "um dos surfistas com mais talento natural" que já conheceu.

Davo, como era conhecido, ficou em 14º no ranking mundial de 2010.

Confira a tradução do boletim:

Um homem morreu e outro foi acusado após um suposto ataque na costa norte do estado durante a noite.

Pouco depois das 23h (sábado, 24 de setembro de 2022), os serviços de emergência foram chamados para Sportsmans Way, South West Rocks, após relatos de que um homem teria levado um soco no rosto do lado de fora de um bar e caído no chão, batendo a cabeça na calçada.

Policiais do Distrito Policial da Costa Norte Central compareceram e encontraram um homem de 45 anos inconsciente.

Ele foi tratado no local por paramédicos da ambulância do estado antes de ser levado para o Hospital Kempsey, onde morreu pouco tempo depois.

Uma cena de crime foi estabelecida, que será examinada por peritos forenses esta manhã.

Após investigações, um homem de 42 anos foi preso em uma casa em South West Rocks por volta das 12h40 e foi levado para a delegacia de Kempsey.

Ele foi acusado pela agressão que causou a morte e recusou fiança para comparecer perante o Tribunal de Fiança de Port Macquarie hoje (domingo, 25 de setembro de 2022).


Fonte: Noticias ao minuto

Comentários Facebook


Facebook


Newsletter


Inscreva-se no boletim informativo da Folha do ES para obter suas atualizações e novidades semanais diretamente em seu e-mail.

© 2022 Folha do ES. Todos os direitos reservados.