Folha do ES
Qua, 30 de Nov

Home   Estilo     Celebridades


Angelina Jolie diz que Brad Pitt a agarrou pela cabeça e enforcou filho durante briga

Angelina Jolie diz que Brad Pitt a agarrou pela cabeça e enforcou filho durante briga

A batalha jurídica entre o ex-casal de Hollywood se intensificou nessa terça-feira (4) ao ser revelado que o ator exigiu confidencialidade contra o "abuso físico e emocional" que fazia contra a atriz e seus filhos.

  Por Redação - BLN

  05.outubro.2022 às 16:18Atualizado em 05.outubro.2022 às 16:25

Angelina Jolie detalhou o que descreveu como comportamento abusivo de seu ex-marido Brad Pitt em um processo judicial nessa terça-feira (4), intensificando uma batalha jurídica por uma vinícola francesa que o ex-casal compartilhou, e revelando novos detalhes sobre a dissolução do casamento entre as duas estrelas de Hollywood.

O processo em um tribunal de Los Angeles alega que Pitt tentou condicionar a venda de Jolie de sua participação na vinícola a um acordo de confidencialidade que a impediria de discutir publicamente “o abuso físico e emocional de Pitt contra ela e seus filhos”.

A queixa de Jolie descreve um episódio durante um voo de avião particular em setembro de 2016, no qual Pitt supostamente “agarrou Jolie pela cabeça e a sacudiu” antes de “empurrá-la contra a parede do banheiro”. Pitt também “enforcou uma das crianças e atingiu outra no rosto”, alega o documento.

Os advogados de Pitt não responderam imediatamente às perguntas na terça-feira.

O pedido está em um processo que ele abriu contra Jolie e sua ex-empresa em fevereiro.

Pitt alega que a venda de Jolie em setembro de 2021 de sua participação na vinícola Chateau Miraval para uma empresa internacional de bebidas foi ilegal porque os dois concordaram que nunca venderiam seus interesses sem o consentimento do outro.

Jolie disse em um documento peticionado na terça-feira que não existia tal acordo e que Pitt se recusou a comprá-la a menos que ela consentisse com “uma ordem de mordaça inconcebível” em relação à conduta dele.

Em seu arquivamento, Jolie também disse que o FBI investigou o incidente no avião e “concluiu que o governo teria uma causa provável para acusar Pitt de um crime federal”. Pitt não foi acusado de crime, e um porta-voz do FBI não respondeu imediatamente a um pedido de comentário.


Fonte: CNN Brasil

Comentários Facebook


Facebook


Newsletter


Inscreva-se no boletim informativo da Folha do ES para obter suas atualizações e novidades semanais diretamente em seu e-mail.

© 2022 Folha do ES. Todos os direitos reservados.